31 julho 2007

O Início

O futebol só chegou ao Brasil por volta de 1894 e no inicio era apenas praticado por ricos e nobres, normalmente nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro. O esporte mais popular do mundo foi praticado pela primeira vez em Salvador, capital baiana, em 1901. Começou com a chegada dos primeiros balões de couro na bagagem de um baiano chamado Zuza Ferreira, que tinha sido enviado para a Inglaterra pela família, para ser melhor orientado. Zuza era um jovem muito traquina, não conseguia ficar quieto, mas a solução da família não deu certo. O garoto trouxe um brinquedinho que causou muito rebuliço na cidade: uma bola de couro. Em 1904, o futebol já era notícia nos jornais de Salvador. Mas não ainda no caderno de esportes. O assunto era caso de polícia. "Malta de vadios", "Corja de malcriados", essas eram as expressões usadas para falar dos jogadores. Na época em que o futebol ainda era escrito em inglês, as queixas da população eram constantes. O futebol era praticado em apenas cinco pontos da cidade: na Barra; na Fonte do Boi; no parque Cruz Aguiar no Rio Vermelho; no Largo do Papagaio; e no Campo dos Mártires, hoje chamado de Campo da Pólvora. Em 1905, quatro anos depois que Zuza Ferreira trouxe a primeira bola para Salvador, foi organizado o primeiro campeonato baiano de futebol, o mais antigo do Nordeste brasileiro e segundo em antigüidade entre todos os estaduais do Brasil e desde então vem sendo disputado ininterruptamente. O primeiro Campeão Baiano foi o Club Internacional de Cricket, que disputou o título contra apenas três outros clubes: Vitória, São Salvador e Clube Bahiano de Tênis.

_______Internacional de Salvador, campeão Baiano de 1914.

178

178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178
Preocupado com a concorrência de Real Madrid e Chelsea, o Milan quer agilizar ao máximo a contratação do atacante brasileiro Alexandre Pato, do Internacional. Por isso, o ex-jogador e hoje dirigente milanista Leonardo deve vir ao Brasil nos próximos dias para tentar fechar o negócio. De acordo com informações publicadas pelo jornal italiano Corriere dello Sport, a vinda de Leonardo teria o objetivo de mostrar a Pato e à sua família 'os projetos que o clube de Milão teria preparado para o jogador', de apenas 17 anos. Ainda segundo a publicação, a intenção do Milan seria contratar o jogador até o dia 15 de agosto. Leonardo, que também foi o responsável pela contratação de Kaká, já vinha observando Alexandre Pato desde o Mundial Sub-20, no Canadá, e espera agora completar a negociação, deixando Real Madrid e Chelsea, outros possíveis destinos de Pato, para trás.
Nome: Alexandre Rodrigues da Silva
Data nascimento: 02/09/1989
Local nascimento: Pato Branco (PR)
Altura/Peso: 1.80m/71kg
178
178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178
Conversa de uma família baiana:
- Filhinho! Vá ver se tá chovendo, vá!
- Och, painho... Tô com uma preguiça danada!
- Vai lá, filho... Eu tô lhe mandando!
- Painho, por que o senhor não chama o Totó e vê se ele tá molhado?
178
178

30 julho 2007

Nonato Neles!

Uma tarde de artilheiros tricolores neste domingo na goleada do Bahia por 4 a 0 no ASA-AL, em jogo pela quinta rodada da Série C. Maior destaque para o sempre polêmico, mas também sempre decisivo Nonato, que marcou três vezes e voltou a cair nas graças da torcida, até jogando sua camisa para os torcedores no intervalo da partida. O outro gol foi marcado por outro goleador, o atacante Moré, que entrou já no segundo tempo, depois de um longo tempo fora da equipe por contusão. Com o resultado o Bahia chegou aos mesmos 13 pontos do Confiança, que também venceu seu jogo contra o América(SE) por 1 a 0. Como o Bahia agora tem um saldo melhor que o Confiança, com nove gols feitos e nenhum sofrido contra o saldo de +7 dos sergipanos, o tricolor só precisa de um empate no seu último jogo no próximo domingo, na Fonte Nova, o primeiro de portões abertos este ano pela Série C, para se firmar como líder do seu grupo. A partida começou com um maior domínio da equipe de Arapiraca com os atacantes Cicinho e Luciano Rosa perdendo boas oportunidades. Mas aos 24 min, Nonato aproveitou o rebote de uma falta cobrada por Marcone e abriu o marcador do jogo. Quinze minutos depois, já com o Bahia no comando do jogo, Adilson lançou o meia Danilo Rios, que foi derrubado pelo goleiro Azul dentro da área. Pênalti que foi convertido por Nonato, marcando seu segundo gol no jogo. No segundo tempo, as chances do ASA na partida praticamente terminaram quando o zagueiro Júnior foi expulso aos 20 min. Com um a mais, o técnico Arturzinho resolveu partir pra cima, em busca da diferença de gols que lhe daria a liderança do grupo, e tirou o meia Danilo Rios para colocar o atacante Moré, que voltava ao time depois de um longo período fora da equipe. Bastou alguns minutos em campo, para que o jogador fizesse valer sua fama de artilheiro e aos 33 min aproveitou um cruzamento de Neto Potiguar para fazer seu primeiro gol na Série C. Com o placar de 3x0, o Bahia já tinha obtido seu objetivo de assumir a liderança e jogar por um empate contra o Confiança para se classificar em primeiro lugar. Mas o atacante Nonato, que já tinha marcado dois gols, comentou durante o intervalo: “Quero marcar o terceiro, porque minha mulher disse que eu ia fazer três gols hoje”. E Nonato não decepcionou sua esposa Vanessa, dando números finais ao jogo com mais um gol, já nos acréscimos da partida.
Campanha do Bahia na Série C:
Bahia 0x0 Confiança-SE
Bahia 2x0 ASA-AL
Bahia 1x0 América-SE
Bahia 2x0 América-SE
Bahia 4x0 ASA-AL
Bahia 0x0 Confiança-SE
178
178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178
Apesar de ter demonstrado serenidade ao falar das falhas do goleiro Júlio César, na derrota para o Cruzeiro por 3 a 2, o técnico Cuca está preocupado com os erros do jovem goleiro do Botafogo e pede a contratação de um goleiro mais experiente para o restante do Brasileirão. Este ano o camisa 1 alvinegro cometeu dois erros em duas decisões, um no Carioca e outro na Copa do Brasil, na semifinal contra o Figueirense. O nome que está sendo sondado para defender o gol do Fogão é o do goleiro Marcos Leandro, que tem 24 anos e atualmente é o titular do Paraná Clube por causa de uma lesão do goleiro Flávio.
178
178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178
No meio do almoço de domingo, com a família toda reunida, a patroa grita para a empregada:
- Crenisvalda, essa comida está horrível!
O marido fica constrangido e tenta acalmá-la, mas ela insiste:
- Acho que até eu sou melhor do que você na cozinha!
- Pode ser - concorda a empregada - Mas a senhora fique sabendo que eu sou bem melhor do que a senhora na cama!
- O quê? - assusta-se a mulher - Roberto, seu cachorro! Não acredito que você...
- Calma, madame - interrompe a empregada. - Quem me disse isso foi o motorista!
178
178

29 julho 2007

Vitória 3x1 Coritiba

O Vitória fez o dever de casa e venceu o Coritiba por 3 a 1, na tarde deste sábado, 28, no Barradão, em partida válida pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Sem o técnico Givanildo Oliveira, que deixou o rubro-negro no final da tarde de sexta-feira, e sob o comando de Claudinho, substituto interino, o Vitória acabou com uma seqüência de dois jogos sem vencer. O time baiano teve o domínio das ações no primeiro tempo e o triunfo começou a ser anunciado, com o gol de Jackason, aos 27min. Ele recebeu na direita e acertou um belo chute na entrada da área. Na etapa final, o Coritiba voltou melhor. Logo aos 6min, Keirrison empatou para os paranaenses. Depois de um lance rápido no setor direito, o atacante bateu cruzado e igualou o marcador. Mas aos 34min, o zagueiro Sandro colocou o Leão novamente à frente. Faioli cobrou falta e o zagueiro desviou de cabeça para o fundo das redes do goleiro Edson Bastos. Aos 44min, o atacante Sorato decretou o triunfo rubro-negro. Com o resultado, o Vitória soma 24 pontos e permanece na quinta colocação.
Classificação da Série B:
- Criciúma, 33
- Marília
, 26; 10v
- Coritiba, 26; 8v
- Brasiliense, 25
- Vitória
, 24; 8v
- Portuguesa, 24; 7v
- Barueri, 24; 6v178

178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
179
178
178
178
178
178
178
178
Dez atletas baianos conquistaram medalhas no Pan-Rio-2007:
OURO:
Formiga e Elaine
(Futebol Feminino)
Pedro Lima (Boxe)
Ricardo (Vôlei de Praia)
Marcela Menezes (Ginástica Rítmica)
PRATA:
Vilson Nascimento
(Canoagem)
Everton Lopes (Boxe)
BRONZE:
Allan do Carmo
(Maratona Aquática)
Vilson Nascimento (Canoagem)
Rogério Minotouro (Boxe)

Sirlene Pinho (Maratona)
178
178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178
O Vasco do Mestre Ambrósio está imbatível em São Januário. Apesar do desempenho caseiro animador, o Machão da Colina tem de conviver ao mesmo tempo com a decepção de fracassar todas as vezes que deixa Sanjanu. As vítimas do Vasco no seu estádio:
Vasco 3x1 Sport
Vasco 4x0 Grêmio
Vasco 4x0 Santos
Vasco 1x0 Atlético-PR
Vasco 4x0 Atlético-MG
Vasco 4x1 Goiás

-----x-----x-----x-----x-----
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178
Num quartel onde aparecem muitas doenças venéreas, o médico começa a visita regular e na multidão de doentes, começa a ouvir falar da Martinha. O comandante já farto da conversa, resolve reunir o batalhão. Depois de todos perfilados, o comandante virou-se para os soldados e disse:

- Quem esteve com a Martinha dê um passo à frente.
Todos avançaram exceto um soldado. O comandante estranhou e disse:
- Então, você não esteve com a Martinha?
Responde o soldado:
- Eu não, eu sou a Martinha.
178

178

28 julho 2007

Baiano Ouro no Boxe

O boxeador Pedro Lima é o primeiro atleta a conquistar uma medalha de ouro para o boxe baiano em Pan-Americanos. No início da noite desta sexta-feira, ele bateu o norte-americano Demetrius Andrade por 7 a 6 e sagrou-se campeão dos Jogos do Rio de Janeiro, na categoria 69 quilos. De quebra, acabou com o jejum de 44 anos sem que um boxeador brasileiro subisse no lugar mais alto do pódio. A luta foi bastante disputada e só foi definida nos últimos segundos. Pedro ganhava até o terceiro round por 5 a 3, quando no último assalto ficou em desvantagem. Demetrius virou o placar em 6 a 5, mas o baiano não desistiu. Faltando poucos segundos para acabar a luta partiu para cima e conseguiu novamente passar à frente, em 7 a 6, levantando o público que estava nas arquibancadas. No último round coloquei meu coração. Nem vi quando acabou a luta. Ainda estava golpeando e ouvi Dórea gritando: você é campeão, você é campeão, só aí que percebi que já tinha acabado, contou o lutador baiano.
178
178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178
A Portuguesa venceu o Gama, nesta sexta-feira, por dois a um e, além de acabar com o aproveitamento de 100% em casa do adversário, entrou pela primeira vez no G4 da Série B. Mostrando uma marcação extremamente consistente e rápida nos contra-ataques, a Lusa foi forte durante todo o jogo, tomando sufoco apenas no final. Depois de um primeiro tempo mediano, o segundo tempo teve fortes emoções logo no começo. Aos dois minutos, Luis Henrique derrubou Val Baiano na área. Ele mesmo cobrou, mas Tiago fez grande defesa salvando a Lusa. No minuto seguinte, Preto tocou na entrada da grande área para Rai, o camisa oito só rolou para Clayton que fuzilou a meta do Gama. Não demorou muito para a Lusa fazer o segundo. Aos seis minutos Clayton recebe bola pela esquerda e cruza para Vaguinho, o camisa sete se antecipa ao zagueiro do Gama e desvia a bola no canto esquerdo de Juninho. A partir daí a Lusa se defendeu bem e só tomou sufoco no final, principalmente depois do gol do Gama, aos 45, quando Ésley tabelou com Bebeto, driblou o zagueiro Marco Aurélio e chutou forte para o gol do Tiago. Mas a Lusa segurou o resultado e pulou para a quarta posição do campeonato com 24 pontos e espera o fim da rodada neste sábado para saber se permanece no G4.
178
178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178
Um caipira queria livrar-se do seu gato. Levou-o até uma esquina distante e voltou para casa. Quando chegou, o gato já estava. Levou-o novamente, agora para mais longe. No regresso encontrou o gato novamente em casa. Fez isso umas cinco vezes mas o gato sempre retornava. Furioso, pensou: Esse gato teimoso me paga!... Amarrou então uma venda nos olhos do bichano, jogou ele dentro de um saco e colocou no porta-mala do carro. Subiu a serra mais distante, entrou e saiu em diversas estradinhas, deu mil voltas e acabou por soltar o gato no meio do mato. Passados dois dias, o caipira liga para casa:
- Alô, Maria, o gato já chegou?
- Sim...
- Ainda bem, deixa-me falar com ele porque eu estou perdido...
178
178
Obrigado nobre amigo Pedro Costa, pelo carinho com o voudekombi.

27 julho 2007

Meninas de Ouro

No Maracanã lotado, a seleção brasileira garantiu a medalha de ouro no futebol feminino dos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro ao vencer os Estados Unidos na decisão desta quinta-feira por 5 a 0, gols de Marta (dois), Cristiane (dois) e Daniela Alves. O título veio com seis vitórias em seis jogos disputados e nenhum gol sofrido. O destaque individual foi a meia Marta, eleita a melhor jogadora do mundo no final do ano passado, que honrou a camisa dez da seleção com exibições de gala e ainda terminou a competição como artilheira, com doze gols, mesmo sem ter participado da estréia.
A dourada campanha de nossas meninas:
Brasil 04x00 Uruguai
Brasil 05x00 Jamaica
Brasil 10x00 Equador
Brasil 07x00 Canadá
Brasil 02x00 México
Brasil 05x00 Estados Unidos




178
178
178
178
178
178
178
178
178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178Sem poder contar com o apoio da torcida em Édson Passos, o Botafogo precisou de muita concentração para derrotar o Juventude, por 3 a 1. Mais uma vez, a estrela do atacante André Lima brilhou. Ele marcou dois gols, ajudou o time a sair de campo com a vitória e assumiu a artilharia alvinegra no Brasileirão, com nove gols.
_______Uh Uh tá maneiro
_______André Lima é artilheiro!

178
178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178
Duas brasileiras e uma portuguesa estavam jogando conversa fora, quando uma das brasileiras comenta com a outra sobre suas relações sexuais com o marido:
- Menina, nunca te aconteceu quando você faz amor com o Carlos, você tocar nas bolas dele e elas estarem frias?
A outra brasileira responde:
- Sim, sempre que nos fazemos sexo eu percebo que estão frias.
E você quando faz sexo com o Rafael?
- Sim, sempre estão frias - responde a outra brasileira.
Nisso a portuguesa diz:
- Bom, eu nunca parei para atentar a esse detalhe, mas esta noite quando eu fizer com o Manuel vou tocá-las para ver.
- Tá bom, então amanhã você nos conta - dizem as brasileiras.
No dia seguinte, a portuguesa aparece toda cheia de hematomas e com um baita olho roxo. As brasileiras ficam surpresas, perguntam o que foi que aconteceu e a lusitana responde, muito nervosa:
- Isto é tudo culpa de vocês!
- Mas porquê? - perguntam as brasileiras.
- Porque ontem eu fui transar e quando toquei as bolas do Manuel eu disse: "Ai, Manuel... tu não tens as bolas frias como as do Carlos e as do Rafael!"

26 julho 2007

Náutico 0x2 Grêmio

Na reedição da “Batalha dos Aflitos”, o Náutico perdeu mais uma vez para o Grêmio, jogando em casa, mas agora foi por 2 a 0 e na primeira divisão do Campeonato Brasileiro. Com esse resultado, o time pernambucano voltou para a lanterna da competição nacional, com apenas dez pontos em 14 jogos. Assim como vem acontecendo nos últimos jogos do Timbu, quando joga com o apoio de sua torcida, a equipe cria muitas situações de gol, mas não tem capacidade de concluí-las eficientemente, o que irrita os torcedores que seguem lotando o estádio dos Aflitos, mesmo com a má fase do time. Foi uma partida duríssima, onde o Grêmio, além de ter que superar o adversário, a pressão dos torcedores e a falta de entrosamento, teve que passar por cima da péssima qualidade do gramado. O Náutico foi superior durante toda a primeira etapa. Aos 30 minutos, quando o Timbu era todo pressão, Tcheco, ao lado da área pela esquerda, cruzou na cabeça do atacante Tuta. A conclusão foi com qualidade, no canto esquerdo, sem chances para o goleiro. Grêmio 1 a 0. A segunda etapa começou da mesma forma que a primeira: o Náutico todo pressão e o Grêmio se defendendo. Aproveitando-se da situação, o Grêmio tratou de cadenciar a partida. O total controle da posse de bola dava ao Náutico a falsa sensação de superioridade. Com tranqüilidade, o Grêmio tentava explorar os contra-ataques sempre com Diego Souza, Tcheco, Carlos Eduardo e Tuta como referência na área. O Náutico até chegou a ameaçar mais, porém pecou nas conclusões. O Grêmio, por sua vez, voltou a aproveitar uma das raras chances de gol. Aos 37 minutos, em contra-ataque, Carlos Eduardo tabelou com Tcheco, recebeu dentro da área e chutou forte para vencer o goleiro Eduardo. Grêmio 2 a 0 e vitória assegurada.
178
178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178

A Volta Dos Que Não Foram
_(Falcão)

\\\
Pedro Alvares Cabral usou
Irapuã Lima experimentou
Chico Lopes adorou
///
Juscelino Kubitschek apoiava
Getúlio Vargas também gostava
Carlinhos Ferreira adimirava
///
Zé Maria Crocodilo dá o maior valor
Hebe Camargo não usa mais
Sílvio Santos usou muito quando era rapaz
///
Oh oh oh oh
///
Zé Limeira modificou
Reginaldo Rossi adotou
Raimundo Soldado recusou
///
Bete Cuscuz aprovou
Walter Tijupina utilizou
Pedro de Lara rejeitou
///
Manézinho do Pisco usava demais
Rita Cadilac trás na lembrança
Emereciano usava quando era criança
///
Oh oh oh oh
///
Mané Felismino provou
Genival Lacerda não gostou
Gugu Liberato dispensou
///
Bartô Galeno usou uma vez
Valdeci Ceará usou e estranhou
Ferreira Filho reprovou
///
Deodoro da Fonseca tinha três
Raimundo Cabeludo era chegado
Zé Ramalho usava quando era soldado
///
Oh oh oh oh ...
178

25 julho 2007

Vitória Goleado

Nem o mais otimista dos torcedores do Brasiliense esperava um placar tão elástico. A bela vitória por 6 a 0 sobre o Vitória, em partida válida pela 14ª rodada da Série B, refletiu exatamente a grande atuação do Jacaré, principalmente na etapa inicial, quando o time marcou 4 gols, com Allan Delon, Dimba e Warley, duas vezes. Na etapa complementar, Adrianinho e Pedro Paulo completaram a goleada. Só não foi melhor por que o Coritiba bateu a Ponte Preta no estádio Couto Pereira, impedindo o time de Taguatinga de alcançar a vice-liderança da competição. O massacre do time candango começou logo aos oito minutos de jogo, quando Allan Delon marcou o primeiro para os donos da casa, após uma bela assistência de Adrianinho. Aos 23, Warley também balançou as redes e ampliou a vantagem, que ainda passou para 3 a 0 dois minutos depois, quando Dimba marcou o seu, após receber um grande passe de Patrick pela direita do ataque. No final do primeiro tempo, com a falta de reação do Vitória, o Brasiliense ainda ampliou para 4 a 0 aos 37, novamente com Warley. Já na etapa complementar, o jogo também permaneceu completamente favorável ao Brasiliense, mas o time só conseguiu balançar as redes no final do período. Enquanto o Brasiliense pressionava, o Vitória investia apenas na marcação e na defesa. Mesmo assim, Adrianinho deixou sua marca aos 40 minutos e Pedro Paulo fechou a goleada em 6 a 0 aos 43 minutos.
Classificação Série B:
- Criciúma, 32
- Coritiba, 26
- Brasiliense, 25
- Marília, 23
5º - Vitória, 21 7v
6º - Portuguesa, 21 6v (+4)
7º - Gama, 21 6v (-2)
8º - Barueri, 21 5v
178
178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
17
Em uma sessão tumultuada, que contou com a presença de muitos torcedores e reforço policial, o STJD julgou o atacante dos gols bonitos, Dodô, do Botafogo, acusado de doping por uso da substância femproporex, encontrada em inibidores de apetite. A defesa do jogador tentou, mas não conseguiu livrar o jogador, que acabou condenado por unanimidade e pegou uma suspensão de 120 dias.
178
Força, Dodôgol, acredito na sua inocência e aguardo paciente pelo seu retorno.

8
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178
Dois amigos se encontram no bar e um deles está com um olho roxo.
- O que foi que te aconteceu? - pergunta o amigo.
- Eu levei um frango congelado na cara, só isso!
- Mas como foi que aconteceu isso?
- É que ontem minha mulher estava de mini-saia e com a calcinha toda enfiada, então, ela se abaixou no congelador para pegar alguma coisa.
Eu estava atrás dela e não resisti, agarrei ela ali mesmo.
- Sério?! questiona o amigo.
- Claro! E ela não queria, se remexia, e eu fiquei com mais tesão ainda, e mais ela gritava, gemia e eu continuava...
- Pô!
- E ela se debatia como uma louca, e eu cada vez com mais tesão...
- Só estou imaginando a cena! - diz o outro, excitado.
- E então começou a se encaixar e, enquanto eu transava, ela conseguiu pegar um frango congelado e o jogou na minha cara!
- Mas que coisa! Tua mulher não gosta de transar?
- No supermercado não...

24 julho 2007

Overath

O meio-campista Wolfgang Overath nasceu em Siegburg, Alemanha, no dia 29 de setembro de 1943. Nem tão reconhecido quanto Sepp Maier, Franz Beckenbauer e Gerd Muller, Overath foi tão importante quanto eles. Um dos principais jogadores da história do futebol alemão e da seleção alemã, ele disputou 19 partidas em três Copas do Mundo (1966,70 e 74) e marcou dois gols. Wolfgang Overath atuava no meio campo e chutava com a perna esquerda. Era habilidoso, tinha excelente visão de jogo, bom domínio de bola e muita lucidez no meio. Foi um dos principais jogadores da história do Colônia, clube onde iniciou sua carreira e única equipe em que jogou durante quinze anos (1963 a 1977). Atualmente exerce a presidência do Colônia ou, Koln para os alemães. Cresceu numa família humilde, como o mais jovem de oito irmãos. Fez do futebol seu ganha pão e mostrou seu talento ao mundo, principalmente em 1974, quando foi campeão mundial em cima de uma das principais seleções da história do futebol, a Holanda de Cruyff. Overath disputou três Copas do Mundo e em todas, a camisa 12 era destinada a ele. Estreou na seleção alemã em 1963 e logo em 1966 disputou sua primeira Copa, na Inglaterra. Com apenas 23 anos, Overath começou jogando todas as partidas daquele Mundial. Não marcou nenhum gol e ganhou experiência para a Copa posterior, em 1970, no México, onde esteve presente na semifinal contra a Itália, um dos melhores jogos de todas as Copas. Perderam por 4 a 3. Disputaram a decisão do terceiro lugar contra a seleção do Uruguai que perdera para o Brasil na outra semifinal. A celeste olímpica tinha no gol Mazurkiewicz, mas não foi páreo para a Alemanha. 1 a 0. Gol de quem? Ele mesmo, Overath aos 26 minutos do primeiro tempo. Gol que rendeu aos europeus o terceiro lugar na competição. Seu segundo gol marcado em Copas, foi na partida contra a Suécia, na fase de grupos do Mundial de 1974, na Alemanha.
17
17
178
178
Overath, camisa 12
178
178
178
178
178
178
178
178
178
178
178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178
O rebanho do caipira estava doente e ninguém conseguia curar. Então ele ficou sabendo que tinha um curandeiro, que era a única pessoa que poderia salvar seu rebanho e o chamou. Chegando lá, o curandeiro disse que salvaria o gado do caipira, mas teria que ficar trancado no quarto com a filha do caipira - uma morena gatíssima - para fazer o ritual. O caipira ficou meio desapontado mas topou: afinal, era o único jeito de salvar seu rebanho. O curandeiro foi para o quarto com a moça e começou o ritual:
- Passo o pau no seus joeio pra curá os boi vermeio!
- Passo o pau na suas coxa pra curá as vacas mocha!
- Passo o pau na sua viria pra curá as novia!
O caipira, que estava ouvindo tudo atrás da porta, gritou depressa:

- As vaca preta e os boi zebu pode deixá morrê tudim!!!
178
178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178

23 julho 2007

Bahia Avança

E o Bahia vai repetindo 2006. É bem verdade que os importantes Rogério, Danilo Rios e Moré ainda se recuperam de contusão, mas o fato é que o time continua sem convencer nesta Série C. Mesmo assim, ganhou a terceira partida seguida, alcançou os 10 pontos e se garantiu matematicamente na segunda fase, com duas rodadas de antecipação. Contra o frágil América de Propriá(SE), cujo ataque passou em branco em todos os jogos até agora, o Bahia começou parecendo que evoluiria. Logo aos 10 minutos, Inho foi à linha de fundo e tocou para Cléber chutar mascado, de primeira, e vencer o goleiro Sidnei. Fogos do lado de fora da Fonte Nova. A etapa inicial teve apenas mais uma oportunidade de gol para a equipe. Aos 26, o próprio Cléber recebeu cruzamento de Ávine, pela esquerda, e quase marcou de cabeça. A bola ia entrando no ângulo, porém o camisa 1 salvou. A pasmaceira azul, vermelha e branca se repetiu na volta dos vestiários. Irritado, o técnico Arturzinho trocou Harley (substituto do suspenso Nonato, que nem vinha atuando mal, diga-se), por Charles. E foi dele o tento que fechou o caixão do campeão sergipano, aos 21: Neto Potiguar aproveitou passe errado no meio de campo, levou até a pequena área do adversário e deixou o atacante reserva livre, sem goleiro, para empurrar em direção às redes. Bahia 2 a 0. Este foi o último dos quatro compromissos que o Bahia precisou realizar com portões fechados. O próximo duelo pelo Grupo 7 é domingo que vem, em Alagoas, contra o já eliminado ASA de Arapiraca. A despedida da etapa classificatória será no dia 5 de agosto, quando disputará a primeira colocação com o Confiança(SE) na Fonte Nova.
178
178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178
Definitivamente o nome de Thiago Pereira está cravado na história do esporte das Américas. O nadador brasileiro destruidor de marcas se estabeleceu como o maior campeão de uma única edição dos Jogos Pan-Americanos. Dono de oito medalhas no Pan do Rio (seis de ouro, uma de prata e uma de bronze), o nadador foi alçado à condição de estrela do esporte brasileiro. O prodígio da natação brasileira liderou o pódio dos 200m e 400m medley, 200m costas, 200m peito, levou o bronze nos 100m costas e prata com o revezamento 4x100m medley e ouro com o 4x100m e 4x200m livres. Tais resultados já o deixam entre os leigos no mesmo patamar de Michael Phelps, norte-americano papa-medalhas. Entretanto, apesar de já ter índice para Pequim-2008 em todas as provas que medalhou no Pan e das equipes de revezamento, o nadador precisa evoluir para as Olimpíadas e deve priorizar em Pequim-2008 as provas individuais de medley, sua especialidade e onde ele tem maiores chances de medalha. Vai Thiago!
178
178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178
____Deus e o “coisaruim”
E Deus disse: que cresça a erva, que a erva dê semente, que da semente cresçam árvores e dêem frutos.
E Deus povoou a Terra com brócolis e couves-flores, espinafres, milho e vegetais verdes de todas as espécies, para que o Homem e a Mulher pudessem viver longas e saudáveis vidas.

E coisaruim criou o McDonald's e a promoção de dois BigMac's a cinco reais.
E coisaruim perguntou ao Homem: queres as batatas-fritas com quê?
E o Homem respondeu: na promoção, com coca-cola, catchup, maionese e mostarda.
E o Homem engordou cinco quilos.
E Deus criou o iogurte saudável, para que a Mulher pudesse manter a forma esbelta de que o Homem tanto gostava.

E coisaruim criou o chocolate e a Mulher engordou cinco quilos.
E Deus disse: experimentem a minha salada.
E coisaruim criou os pratos de bacalhau com creme e marisco e a Mulher engordou 10kg.

E o Criador disse: enviei-vos bons e saudáveis vegetais e o azeite para que vocês possam cozinhar.
E coisaruim inventou a gordura hidrogenada, o acarajé, a galinha frita e o peixe frito.

E o Homem ganhou dez quilos e os níveis de colesterol bateram no teto.
E Deus criou os sapatos de corrida e o Homem perdeu aqueles quilos extras.
E coisaruim criou a televisão a cabo com controle remoto para que o Homem não tivesse de se levantar para mudar de canal.
E o Homem ganhou mais vinte quilos.
E Deus disse: estás passando dos limites, coisaruim.
E o Homem teve um ataque cardíaco.
E o bondoso Deus criou a intervenção cirúrgica cardíaca para socorrê-lo.
E coisaruim criou o sistema de saúde brasileiro...
Mas Deus salvou: deu ao homem os convênios e aposentadoria para que ele pudesse descansar, dando-lhe nova chance...
Aí o coisaruim criou o político corrupto e DANOU-SE TUDO!.
178
178

22 julho 2007

Criciúma 2x0 Vitória

Com dois gols sofridos nos últimos 15 minutos de jogo, o Vitória perdeu mais uma partida fora de casa, por 2 a 0, desta vez para o líder isolado Criciúma. Mesmo com a derrota, o Vitória, que começou a rodada como vice-líder, se mantêm no grupo das quatro equipes que se classificam para a Série A em 2008. O Criciúma começou com o domínio da partida, e quase abriu o marcador aos 2min, quando Garrinchinha tirou em cima da linha uma cabeçada do atacante Maurício. O Tigre voltou a levar perigo aos 4min, com um chute do meia Alex Sandro que passou próximo ao gol rubro-negro. Aos poucos o Vitória equilibrou o jogo, e aos 27min os jogadores rubro-negros pediram pênalti quando Faioli caiu dentro da área quando se preparava para o arremate. No intervalo, o atacante desfez a dúvida "Não foi pênalti, não. Eu é que me atrapalhei na hora de chutar", confessou. Na etapa final, o técnico do Criciúma, Gélson Silva, já demonstrou de início que queria manter o aproveitamento de 100% da sua equipe nos jogos em casa: substituiu o lateral Neilton pelo meia-atacante Fantick. Com maior domínio de bola, o Criciúma abusou dos cruzamentos na área, gerando duas jogadas perigosas: aos 10 min, quando o zagueiro Sílvio Criciúma mandou de cabeça na trave esquerda de Ney; e aos 24 min, quando o centroavante Maurício perdeu a melhor chance do jogo até então, cara a cara com o goleiro rubro-negro, que fez uma grande defesa com os pés. Mas o gol do Criciúma era questão de tempo. Uma nova jogada aérea aproveitando a estatura do zagueiro Cláudio Luiz (mais de 1.90m) resultou na abertura do placar. Cláudio cabeceou para outra grande defesa de Ney, só que desta vez Mauricio aproveitou o rebote e marcou o primeiro gol da partida aos 34min da etapa final. Depois de sofrer o gol, o técnico Givanildo, que já tinha colocado Jackson e Jeferson nos respectivos lugares de Faioli e Thiago Gama, sacou o volante Garrinchinha para promover a entrada do meia Hugo Henrique. Mas o Leão já estava muito abalado pelo gol sofrido e o Tigre, embalado pela torcida, marcou novamente aos 42 min. O atacante Kelson, que havia entrado no segundo tempo, aproveitou uma pane na zaga da Vitória para ampliar o placar. Os zagueiros rubro-negros ficaram assistindo o passe que Kelson recebeu sozinho e só teve o trabalho de escolher o canto e fazer 2 a 0.
Classificação Série B:
- Criciúma, 29
- Coritiba
, 23
- Brasiliense
, 22
- Vitória
, 21; 7v
5º - Gama, 21; 6v
6º - Marília, 20; 8v
7º - Barueri, 20; 5v

178
178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178
Uma convenção de fabricantes de cervejas brasileiras reunia os maiores produtores do país. Estavam presentes os presidentes da Skol, Kaiser, Schincariol, etc. Ao término do simpósio todos se reuniram no restaurante para uma "confraternização". Muito esperto, ao perceber a aproximação do garçom, o presidente da Schincariol pediu em alto e bom som:
- Garçom, uma Nova Schin, por favor! Isso sim é que é bebida!
Todos se olharam espantados, enquanto ele contemplava sua cerveja, certo de que saíra bem. Não querendo deixar por menos, o presidente da Brahma sentenciou:
- Amigo! Traga a verdadeira nº1!
Novamente todos se olharam espantados e ele ficou achando que deu a resposta merecida! Na mesma moeda, o presidente da Kaiser bate na mesa e grita:
- Me vê a do baixinho! Esse sabe das coisas...
E assim, seguiram os presidentes das cervejarias, cada um pedindo a sua maneira, até que chegou a vez do presidente da Skol:
- Garçom! Uma coca-cola, por favor!
Todos se olharam abismados, achando que ele perdera uma boa oportunidade de responder à altura. O garçom, curioso, se aproxima e pergunta:
- O senhor tem certeza?
E o representante da Skol respondeu:
- Tenho! Se ninguém vai beber cerveja, eu também não vou!

21 julho 2007

Brasiliense 1x0 Ponte Preta

Foi literalmente no apagar das luzes da Boca do Jacaré. Assim o Brasiliense conseguiu a vitória sobre a Ponte Preta na noite desta sexta, pela 13ª rodada da Série B. Adrianinho, aos 45 do segundo tempo, fez o gol que garantiu ao Jacaré os três pontos que garantiram, pelo menos temporariamente, a vice-liderança da competição. O jogo começou com o Brasiliense atacando, tentando fazer prevalecer o fator casa. Logo aos sete minutos, Carlos Alberto, o mais perigoso do Jacaré, chutou forte, mas a bola foi para fora. Aos 21, foi a vez de Dimba desperdiçar chance, quando chutou e obrigou Dênis a fazer uma grande defesa. Na volta do intervalo, o jogo esfriou. Nenhuma das duas equipes conseguia imprimir um bom ritmo, apesar de o Brasiliense ficar mais com a bola. Nos primeiros 20 minutos, o único lance que acordou a torcida foi um toque de mão de Emerson, zagueiro da Ponte Preta, no limite da área. O árbitro, porém, deu apenas falta. A partir dos 30 minutos, o time da casa foi só pressão. Aos 32, Dimba chutou, Dênis defendeu e, antes de Allan Delon chegar, Zacarias tirou para escanteio, na melhor chance da partida. O Brasiliense ainda teve nova chance com Dimba, mas o camisa nove desperdiçou novamente, aos 40 minutos. Porém, no finalzinho da partida, a justiça foi feita. Depois de tanto tentar, o Brasiliense chegou ao gol da vitória com Adrianinho, jogador formado pela Ponte Preta, aos 45 minutos. O camisa 16 entrou na área, driblou dois defensores paulistas e tocou na saída de Dênis, fazendo um golaço.

178
178
178
178

Torcedora do Jacaré
178
178
178
178
178
178
178
178
178
178

-----x-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178
Do Algarve em Portugal, recebi do noblíssim'portuga Pedro Costa o seguinte causo:
“O que pensam as mulheres o que os homens pensam”

Um homem tinha três namoradas e não sabia com qual delas deveria casar. Resolveu, então, fazer um teste para ver qual estava mais apta a ser a sua esposa. Sacou trinta mil reais do banco, deu 10 mil para cada uma e disse:
- Gastem como quiserem.

A primeira foi ao shopping, comprou roupas caras, jóias, foi ao cabeleireiro, salão de beleza, etc. Voltou para o namorado e disse:
- Gastei todo o teu dinheiro para ficar mais bonita para ti, para te agradar. Tudo isso porque te amo.

A segunda foi ao mesmo shopping, comprou roupas para ele, um leitor de CD, uma pequena televisão de plasma, dois pares de tênis para jogar basquete, tacos de golfe e filmes pornô. Voltou para o namorado e disse:
- Gastei todo o teu dinheiro para te fazer mais feliz, te agradar. Tudo isso porque te amo.

A terceira pegou o dinheiro e aplicou em ações no mercado financeiro. Em cinco dias duplicou o investimento, devolveu os 10 mil reais para o namorado e disse:
- Apliquei o teu dinheiro e ganhei o meu. Agora posso fazer o que quiser com o meu dinheiro. Tudo isso porque eu te amo.

Então o homem pensou, pensou, pensou, pensou...
E casou com aquela que tinha a bunda maior!
178
178

-----x-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178

20 julho 2007

Marilson tenta o BI

Antes de vir ao Rio para as disputas dos 5.000m e 10.000m nos Jogos Pan-americanos, o brasileiro Marílson Gomes dos Santos confirmou que defenderá seu título na Maratona de Nova York neste ano. O atleta, que surpreendeu no ano passado, tentará o bicampeonato no dia 4 de novembro. As participações dele e da atual campeã no feminino, Jelena Prokopcuka da Letônia, foram confirmadas nesta quinta-feira pela presidente da Associação dos Corredores de Rua de Nova York, Mary Wittenberg, que também é diretora da maratona. Marílson, que no ano passado estreou na prova, aos 29 anos, bateu alguns dos maiores maratonistas do mundo, como o queniano Paul Tergat, principal rival dos brasileiros na São Silvestre, e o italiano Stefano Baldini, campeão olímpico em Atenas-2004. Wittenberg acredita que Marílson tem tudo para repetir o desempenho de 2006. "A Maratona de Nova York do ano passado foi a festa de entrada de Marílson como um dos principais maratonistas do mundo”, afirmou. “Foi emocionante dar as boas-vindas a nosso primeiro sul-americano na linha de chegada no ano passado. Eu tenho certeza que Marílson vai provar este ano que não é um sucesso de uma única vitória”. Para Marílson, a Maratona de Nova York foi um momento único em sua carreira. "Ser o primeiro brasileiro e primeiro sul-americano a vencer em Nova York foi o melhor momento da minha carreira de corredor”, disse. “Foi realmente gratificante ver a incrível empolgação e reconhecimento que minha vitória causou em casa”. Apesar de saber que está em um dos melhores momentos na carreira, o brasileiro acredita que será difícil reeditar seu desempenho da última edição. "Sei que voltar a ser campeão em 2007 não será fácil, mas aprendi no ano passado que posso correr com, e derrotar, qualquer um dos maiores maratonistas do mundo. Sei que não terei o fator surpresa a meu favor este ano, então preciso estar preparado para correr muito mais rápido que antes”, declarou.
178
178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178
Conhecido como um dos mais conceituados e diferenciados técnico do futebol brasileiro, Vanderlei Luxemburgo já conseguiu inúmeros títulos e feitos em sua carreira. Possui passagens vitoriosas por alguns dos principais times do país, dentre eles: Palmeiras, Corinthians, Santos, Cruzeiro e Seleção Brasileira. Caracteriza-se por ser perfeccionista, um grande estrategista e desempenhar um forte espírito de liderança em suas equipes. Luxemburgo começou a carreira de treinador em 1983, dirigindo o Campo Grande(RJ). Seus principais títulos são:
1983 – Campeão Capixaba – Rio Branco
1989 – Campeão Série B – Bragantino
1990 – Campeão Paulista – Bragantino
1993 – Campeão Rio-SP – Palmeiras
1993 – Campeão Brasileiro – Palmeiras
1993 – Campeão Paulista – Palmeiras
1994 – Campeão Brasileiro – Palmeiras
1994 – Campeão Paulista – Palmeiras
1996 – Campeão Paulista – Palmeiras
1997 – Campeão Rio-SP – Santos
1998 – Campeão Brasileiro – Corinthians
1999 – Campeão Copa América – Seleção Brasileira
2001 – Campeão Paulista – Corinthians
2003 – Campeão Brasileiro – Cruzeiro
2003 – Campeão Copa do Brasil – Cruzeiro
2003 – Campeão Mineiro – Cruzeiro
2004 – Campeão Brasileiro – Santos
2006 – Campeão Paulista – Santos

178
178

19 julho 2007

América(SE) 0x1 Bahia

Fora o estado lamentável do gramado, daqueles que resumem o quão deficitária é a Terceirona, o Bahia apresentou um futebol abaixo da média, em um animado Estádio Presidente Médici, em Itabaiana(SE). O suficiente, porém, para obter o primeiro triunfo fora de casa no campeonato, alcançar sete dos nove pontos disputados e seguir a passos largos rumo à classificação para a segunda fase. O time segue na vice-liderança do grupo, perdendo apenas no saldo de gols para o Confiança(SE), que aplicou 2 a 1, diante de sua torcida, no ASA de Arapiraca(AL). O 1 a 0 em cima do América de Propriá(SE) tinha tudo para consagrar o atacante Nonato. Foi dele o único tento da partida, aos 9 minutos da etapa complementar. Cléber cobrou falta da esquerda, no segundo pau, e o 11º maior artilheiro da história do clube não perdoou. É bem verdade que o goleirão Sidney colaborou. Não seria motivo, mesmo assim, para fazer o jogador ser achicalhado, logo em seguida, pela numerosa torcida tricolor presente nas acanhadas arquibancadas. O problema é que, na comemoração, Nonato extrapolou. Por motivos que nem Freud saberia explicar, talvez sentindo-se perseguido, o atacante provocou a massa, proferiu palavras aqui impublicáveis e completou o serviço com gestos obcenos. Deu no que deu. Bastante insultado na seqüência do jogo, acabou sendo subtituído aos 38. Voltou a usar os braços, em direção à torcida, de forma politicamente incorreta. Recebeu o terceiro cartão amarelo em três rodadas e ficou suspenso para o compromisso deste domingo, contra o mesmo adversário, agora na Fonte Nova. De herói a vilão em questão de segundos. Descendo para os vestiários, chegou a hesitar, mas admitiu o mau compartamento: "Faz parte. Eles tem todo direito de reclamar. Não fiz nada... Depois que me vaiaram eu dei dedo para eles" Questionado sobre o assunto na saída, o técnico Arturzinho, decepcionado, foi lacônico: "Quem tem que responder é ele". As coisas só não se complicaram ainda mais para o Bahia, em Itabaiana, porque uma cabeçada e um chute do sergipano Diego, nos acréscimos, só tirou tinta da trave.
178


178
Nonato se desentende com a torcida.


1788




-----x-----x-----x-----x-----x-----


178
Fundado em 6 de dezembro de 2000, o Roma Esporte Apucarana faz a melhor campanha da Série C do Brasileirão com 100% de aproveitamento no Grupo 15.
178
178
178
178 178
07.07 – Roma(PR) 1x0 Chapecoense(SC)
14.07 – Roma(PR)
4x1 Paranavaí(PR)
18.07 – Roma(PR)
3x1 ULBRA(RS)

178

18 julho 2007

Lusa 1x1 CRB

Depois de sair atrás do placar, a Portuguesa conseguiu arrancar um empate com o CRB, no Canindé. O time da casa perdeu Marco Aurélio, expulso, mas mesmo assim pressionou e quase chegou à vitória. A partida ficou marcada pelos pênaltis desperdiçados por ambas as equipes, Tiago pela Portuguesa, e Júnior Amorim, pelo CRB. Com o empate, a Lusa subiu para a oitava colocação, com 18 pontos ganhos. Já o CRB, chegou aos 16 pontos e agora ocupa a 11ª posição. O gol do CRB saiu aos 30 minutos, com Marcelo Nicácio, depois de rebote do goleiro Tiago. A Lusa foi para cima e pressionou até empatar aos 28 do segundo tempo com Preto, depois de linda jogada de Joãozinho pela direita, que foi até a linha de fundo e cruzou para trás. No último minuto, Joãozinho ainda acertou cobrança de falta na trave. Antes da partida o volante Alexandre foi homenageado pela sua centésima partida pela Lusa. A camisa com o número 100 e uma placa foram entregues pelo presidente, Manuel da Lupa, o vice-presidente de futebol, Luis Iauca, e pelos filhos do jogador, Alexandre e João Antonio.
Artilheiros da Série B:
Val Baiano(Gama), 9 gols
Joãozinho(Vitória), 8 gols
Fábio Oliveira(Remo), 7 gols
178
178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
18
178

Responsável pela conquista das duas primeiras medalhas de ouro da natação brasileira no Pan do Rio, o velocista Thiago Pereira fechou a manhã de disputas no Parque Aquático Maria Lenk satisfeito. “Não poderia ter sido melhor a estréia. Consegui as duas medalhas e com recordes em ambas, isso me deixa mais confiante e espero manter este bom resultado”. Nesta terça, Thiago abriu sua participação vencendo a prova dos 400m medley com o tempo de 4min11s14, estabelecendo um novo recorde pan e sul-americano. A marca anterior, 4min15s52 estabelecida em Winnipeg-99, pertencia ao canadense Curtis Myden. No encerramento da programação, ele caiu novamente na piscina para ajudar Rodrigo Castro, Lucas Salatta e Nicolas Oliveira no revezamento 4x200m livre. Como era esperado pela comissão técnica, o quarteto fez a diferença conquistando um ouro inédito para o país na prova. Emocionado, o nadador que é esperança de mais cinco medalhas para o país, afirmou que a conquista do ouro ao lado dos companheiros teve um sabor especial. “Gosto muito de nadar o revezamento. Já nadei várias vezes e na natação, que é um esporte muito individual, é o momento que os quatro juntos podem se ajudar”. Thiago ainda disputa outras cinco provas neste Pan-americano. Ele participa dos 200m medley, 200m peito, 100m costas, 200m livre e 4x100m medley. "Aposto que ele pode ser o grande nome dos Jogos", arriscou o ministro dos Esportes, Orlando Silva, que foi acompanhar a competição.
178
178
Vai Thiagoooo!!


17 julho 2007

Daniel Alves

O lateral direito Daniel Alves da Silva nasceu em Juazeiro(BA), no dia 6 de maio de 1983. Começou a carreira no Juazeiro Social Clube e foi transferido para o Esporte Clube Bahia em 2001. Em 2002 conquistou a Copa Nordeste pelo Bahia e em seguida foi negociado com o Sevilla, da Espanha. A trajetória do baiano de Juazeiro é parecida com a de dezenas de brasileiros que partem para o futebol europeu mesmo antes de esboçar alguma forma de reconhecimento em seu país. Daniel Alves se transferiu para a Europa apenas com 20 anos. Mas, ao contrário de muitos de seus compatriotas, o lateral desembarcou no exterior já com um currículo invejável, que incluía como destaque o título do Mundial Sub-20 com a seleção brasileira em 2003, quando foi premiado com a Bola de Bronze como terceiro melhor jogador do torneio. Daniel Alves foi campeão da Copa da UEFA e da Supercopa da Europa pelo Sevilla em 2006. O lateral-direito de 24 anos atravessa bom momento com o Sevilla, espécie de nova 'equipe da moda' do velho continente, e vem sendo publicamente cobiçado por forças importantes, como Liverpool e Barcelona, que já chegaram a formalizar propostas pelo jogador, além do Chelsea. Daniel Alves conquistou domingo passado o seu maior título, a Copa América de 2007 pela Seleção Brasileira, se destacando na final e fazendo o terceiro gol do Brasil contra a Argentina. _______Os visuais do camaleão Daniel Alves no Sevilla:
____moicano, trancinhas, cabelo colorido e totalmente careca .
178
178
-----x-----x-----x-----x-----x-----
178
178
O jornalista e apresentador João Batista Belinaso Neto, mais conhecido como Léo Batista, nasceu em Cordeiróplis(SP) no dia 22 de junho de 1932. Antes de começar no rádio, que era sua paixão na infância, ele trabalhou como entregador de pão, garçom e servente de pedreiro. Em 1952, deixou o interior paulista rumo ao Rio de Janeiro, onde trabalharia na Rádio Globo. E foi aí que ganhou a alcunha artística de Léo Batista. Na verdade, o "Léo" veio do nome de sua irmã, Leonilda. Em 1955, trocou de emprego e se mudou para a hoje extinta TV Rio, onde comandou por 13 anos o Telejornal Pirelli, que foi um dos noticiários de maior sucesso na televisão. Chegou à Rede Globo em 1970 e logo se destacou devido ao seu estilo descontraído. Ele foi um dos que transmitiram o primeiro jogo da carreira de Mané Garrincha, em 1953. Léo Batista é o apresentador mais antigo em atividade na TV Globo, e foi um dos criadores, em 1978, do programa Globo Esporte, no ar até hoje. Seu rosto ainda pode ser visto nas edições de sábado da atração citada, além de contar os gols da rodada nas transmissões esportivas da Rede Globo. Léo Batista ficou um tempo efêmero na dublagem brasileira, ainda na década de 1960. No entanto, ele deixou sua marca no setor, onde foi o narrador brasileiro original do desenho Super-Heróis Marvel, nos estúdios da Rio-Som, no Rio de Janeiro.
178

178