15 dezembro 2013

VDK-2811

0000: Brasileiros na Pré-Libertadores:
2005Palmeiras-SP 4x2 Tacuary-PAR (2x2;2x0)
2006Palmeiras-SP 6x2 Deportivo Táchira-VEN (2x0;4x2)
2006: Goiás-GO 4x1 Deportivo Cuenca (1x1;3x0)
2007Santos-SP 6x0 Blooming-BOL (1x0;5x0)
2007: Paraná-PR 3x1 Cobreloa-CHI (2x0;1x1)
2008Cruzeiro-MG 6x3 Cerro Porteño-PAR (3x1;3x2)
2009Palmeiras-SP 7x1 Real Potosí-BOL (5x1;2x0)
2010Cruzeiro-MG 8x1 Real Potosí-BOL (1x1;7x0)
2011Grêmio-RS 5x3 Liverpool-URU (2x2;3x1)
2011: Corinthians-SP 0x2 Deportes Tolima-COL (0x0;0x2)
2012Internacional-RS 3x2 Once Caldas-COL (1x0;2x2)
2012: Flamengo-RJ 3x2 Real Potosí-BOL (1x2;2x0)
2013São Paulo-SP 8x4 Bolívar-BOL (5x0;3x4)
2013: Grêmio-RS 1x1 LDU-EQU (0x1;1x0)
2014Atlético-PR x Sporting Cristal-PER
2012: Botafogo-RJ x Deportivo Quito-EQU
vdk
vdk
=Torcedoras pelo Mundo - 07=
vdk

6 comentários:

CARLITO disse...

Bom domingo a todos. Domingo sem futebol mas aguardando o maior astro do final da temporada: O STJD.

Acho que os treinadores brasileiros querem ganhar salários fora da realidade. Mas enquanto tivermos times ou clubes cujos patrocinadores queiram bancar esses valores irreais, ficará difícil.
O Manchester City está goleando todo mundo no campeonato inglês sendo dirigido por um treinador argentino. Os treinadores portenhos possuem muito mais mercado e reconhecimento do que os brasileiros no continente europeu.
Nossos treinadores são ultrapassados com raras exceções.

No entanto, está faltando auto-crítica e atualização para muitos deles.

Osvaldo Vasques disse...

Boa tarde cearense ao VDK.
.
Hoje, após alguns dias, estou comemorando o retorno justo e oportuno do GLORIOSO à LA ! Fazendo parte dela, algumas "beers"...
.
Amanhã, decisão difícil para os julgadores, entre o não descenso do Flu e a queda da Portuguesa. O meu "feeling" diz que a Portuguesa vai se manter na elite porque não teve dolo e, assim, os auditores vão votar nela; entretanto, o regulamento do campeonato brasileiro tem uma única interpretação: a violação, com ou sem dolo, da Portuguesa, o que daria a vitória ao Flu ! Fica a pergunta: o regulamento ou a ética ? Como juiz, votaria pela regra estabelecida: a não queda do Flu; pela ética, votaria na Portuguesa !
.
Decidiria na hora exata, caso fosse um dos votantes, atento ao debate dos advogados...
.
Hoje, dia especial para comemorarmos a grande vitória de participar da LA !!!
.
Saudações Alvinegras a todos.

Osvaldo Vasques disse...

Vou me posicionar a respeito do julgamento de amanhã: o FLUMINENSE teria o meu voto, se eu fosse um dos auditores dos STJD !
.
Argumento principal: infração às regras do jogo, às regras do campeonato brasileiro de 2013 por parte da Portuguesa !!!
.
Mas, que é uma decisão dificílima, isso é !!!
.
Mesmo assim, e para sempre, o Flu vai ficar marcado, estigmatizado quando se fala em tribunal na esfera esportiva. Nesse caso específico, a denúncia "caiu no colo" do tricolor carioca, que não apelou prá nada !!!
.
Saudações Alvinegras.

CARLITO disse...

http://globoesporte.globo.com/platb/marvio-dos-anjos/2013/12/15/a-justica-da-bola-ou-um-poster-do-paulo-schmitt/

Outra sugestão de leitura.

fluminense disse...

Olhem as opções da confusão:

notícias
Se Portuguesa for absolvida, “chuva” de processos pode ocorrer
Até o Corinthians correria risco de rebaixamento

Publicado em 15 de dezembro de 2013 às 9:35
TAPETAOCaso a lei seja cumprida no julgamento da Portuguesa na próxima segunda-feira, o clube paulista perderá quatro pontos e será rebaixado para a Série B. Mas se os auditores cederem à pressão da opinião pública, a Lusa seria absolvida e o Campeonato Brasileiro, assim, teria grandes chances de sofrer uma reviravolta.

Na prática, se o STJD aceitar a tese da Lusa, indicaria que todos os jogadores que foram punidos numa sexta-feira, nos dois últimos meses, e não atuaram no fim de semana, poderia provocar uma chuva de processos no tribunal. Em outras palavras, todos os clubes que achavam ter cumprido a regra estariam na verdade irregulares.

Neste cenário, especialmente com o Flamengo sendo absolvido, o Corinthians teria chance de ser despromovido.

Isto ocorre porque no dia 18 de outubro, uma sexta-feira, o atacante Emerson Sheik foi julgado e pegou um jogo de suspensão. No sábado, o atleta não atuou contra o Criciúma em razão da pena. Naturalmente, se a suspensão só passa a valer a partir do dia útil subsequente, como defendem Fla e Portuguesa, Emerson estava apto para o duelo contra o Tigre e não poderia atuar contra o Santos, partida em que esteve presente.

Outra coincidência que colocaria o Timão em situação complicada é que entre os jogos citados do Campeonato Brasileiro, Emerson também foi expulso contra o Grêmio, pela Copa do Brasil. De acordo com o segundo argumento de defesa do Fla, isto é, a punição na Copa do Brasil é automaticamente transferida para o jogo seguinte do Campeonato Brasileiro, Sheik também deveria ter cumprido suspensão diante do Santos no Brasileirão.

Em síntese, se o Tribunal aceitar os argumentos do Fla, o precedente estará aberto para o Corinthians ser denunciado, perder quatro pontos, ser ultrapassado pela Lusa e acabar rebaixado com 46, mesma pontuação do Fluminense, mas com uma vitória a menos. Coincidência ou não, o advogado que defenderá a Portuguesa nesta segunda é o mesmo do Corinthians: João Zanforlin.
----------------

Caso o Fla seja inocentado, Botafogo ficaria fora da Libertadores
Julgamento de segunda-feira deverá abrir série de precedentes

Publicado em 15 de dezembro de 2013 às 10:13
2Na mesma lógica do Corinthians ser rebaixado no Brasileiro, o Botafogo também pode ficar fora da Libertadores se o Flamengo for absolvido. O zagueiro Dória também foi expulso em jogo da Copa do Brasil contra o Flamengo, e atuou normalmente na partida seguinte pelo Campeonato Brasileiro contra o Atlético-MG. Como tratam-se de competições diferentes, quem define em que campeonato o jogador deve cumprir a pena é o STJD, após julgamento.

Como o Alvinegro venceu o jogo citado do Brasileirão, poderia perder seis pontos e terminar a competição com 55, ocupando a nona posição. A vaga do time de General Severiano passaria a pertencer ao Vitória, quinto colocado na competição nacional, com 59 pontos.
----

Já pensou Catlito?

STSF Olavo


fluminense disse...

Quando se dá um tiro a esmo em via pública para comemorar alguma coisa não há intenção de ferir alguém mas se assume o risco do que isso possa acontecer, por acaso fere ou aleija um passante quando não mata, não se pode usar como desculpa a falta de dolo, quando assistimos uma jogada em futebol criminosa que não chega a machucar, o árbitro opta pelo vermelho em vez do cartão amarelo, ele o faz para coibir este tipo de jogada, nós temos um tribunal de justiça para dar princípios para manter o esporte de forma ordeira e disciplinada, se ele é rígido por regras não cabe estabelecer o dolo acima de interpretações impossíveis como a de adivinhar o porque que as pessoas fazem o que fazem, pois podem fazer por corrupção, inocência, burrice e etc.!

Seja para o bem ou para o mal eu só acredito em regras pré-estabelecidas, justiça é algo muito relativo já que não consegue agradar a todos ao mesmo tempo!



Um The Best Abração.


STSF Olsvo